Saúde

23/07/2022 13:26 Cátia Alves - EstadãoMT

Neste ano, dengue já matou 12 pessoas em Mato Grosso

Mato Grosso registrou 12 mortes por dengue neste ano. O número é 33% maior que o ano de 2021, quando nove óbitos pela doença foram registrados. Os dados constam no 8° Informe Epidemiológico - Semana 01 a 26 -, da Superintendência de Vigilância em Saúde e Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica.

Do total de óbitos registrados, os municípios de Juara e Pontes e Lacerda registraram dois óbitos cada um. Arenápolis, Canarana, Diamantino, Lucas do Rio Verde, Peixoto de Azevedo, Sinop, Tangará da Serra e Nova Mutum perderam uma pessoa para a doença.

Até o momento, o estado registrou 29.214 casos. Cerca de 2 mil foram registrados só em Sinop. A incidência no município é de 1452,5 casos para cada 100 mil habitantes. Em seguida aparece Tangará da Serra, que registrou 815 casos. O número de casos é 931% maior que o registrado durante todo o ano passado, quando se confirmaram 79 casos em 12 meses.

Cuiabá aparece em terceiro lugar, com 589 casos. Em seguida vêm Rondonópolis, com 181, e Várzea Grande, com 163.

O informe aponta ainda que 91 municípios estão com "alto risco" para dengue, com incidência maior ou igual a 300 casos para cada grupo de 100 mil/habitantes. (Confira no final da matéria a lista)

ZIKA E CHIKUNGUNYA

Com relação às outras doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti, Mato Grosso registrou 164 casos de Zika em 2022 e 282 casos de chikungunya. No caso da zika, Cuiabá é a cidade que mais registrou casos: 6 no total. Sinop, a campeã dos casos de dengue, apresentou também 11 casos de chikungunya.

ORIENTAÇÕES

Manter a limpeza, fechar o que pode ser fechado, retirar recipientes abertos de locais descobertos e verificar caixas d’água. As ações de prevenção devem ser um hábito que faça parte da rotina ao longo de todo o ano tanto em período chuvoso como no período seco.

ADOTE ESTA IDEIA

Uma semana tem mais de dez mil minutos. Que tal usar apenas 10 para se proteger do Aedes aegypti?

Essa é a proposta da iniciativa 10 Minutos Contra o Aedes/FIOCRUZ, um projeto inspirado em uma estratégia de controle do Aedes aegypti adotada em Singapura, que foi capaz de interromper o pico de epidemia de dengue no país. Agindo uma vez por semana na limpeza de criadouros, em casa e no trabalho, a população interfere no desenvolvimento do vetor, cujo ciclo de vida da postura do ovo ao adulto, leva de 7 a 10 dias.

Municípios classificados com "alto risco" para dengue

1. Chapada dos Guimarães
2. Nova Brasilândia
3. Planalto da Serra
4. Araputanga
5. Reserva do Cabaçal
6. Água Boa
7. Bom Jesus do Araguaia
8. Canarana
9. Cocalinho
10. Gaúcha do Norte
11. Nova Nazaré
12. Querência
13. Ribeirão Cascalheira
14. Alta Floresta
15. Carlinda
16. Nova Bandeirantes
17. Nova Monte Verde
18. Paranaíta
19. Arenápolis
20. Barra do Bugres
21. Campo Novo do Parecis
22. Nova Marilândia
23. Porto Estrela
24. Santo Afonso
25. Sapezal
26. Tangará da Serra
27. Canabrava do Norte
28. Confresa
29. Santa Cruz do Xingu
30. São José do Xingu
31. Alto Araguaia
32. Alto Garças
33. Alto Taquari
34. Araguainha
35. Campo Verde
36. Dom Aquino
37. Itiquira
38. Jaciara
39. Paranatinga
40. Primavera do Leste
41. Santo Antônio do Leste
42. São Pedro da Cipa
43. Araguaiana
44. Barra do Garças
45. Campinápolis
46. General Carneiro
47. Nova Xavantina
48. Novo São Joaquim
49. Pontal do Araguaia
50. Ponte Branca
51. Ribeirãozinho
52. Torixoréu
53. Brasnorte
54. Juara
55. Novo Horizonte do Norte
56.Porto dos Gaúchos
57. Tabaporã
58. Guarantã do Norte
59. Matupá
60. Novo Mundo
61. Peixoto de Azevedo
62. Campos de Júlio
63. Conquista D'Oeste
64. Pontes e Lacerda
65. Vale de São Domingos
66. Diamantino
67. Nobres
68. Nortelândia
69. Nova Maringá
70. Rosário Oeste
71. São José do Rio Claro
72. Cláudia
73. Feliz Natal
74. Ipiranga do Norte
75. Itanhangá
76. Lucas do Rio Verde
77. Nova Mutum
78. Nova Ubiratã
79. Santa Carmem
80. Santa Rita do Trivelato
81. Sinop
82. Sorriso
83. Tapurah
84. União do Sul
85. Vera
86. Itaúba
87. Marcelândia
88. Nova Canaã do Norte
89. Nova Guarita
90. Nova Santa Helena
91. Nova Santa Helena


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
[email protected]

Redes Sociais

Logo

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site Go7
vers�o Normal Vers�o Normal Painel Administrativo Painel Administrativo