Saúde

09/01/2021 05:36 Redação I Nativa News

Pandemia entra em estágio de alerta em Alta Floresta

O aumento significativo de casos desde a segunda quinzena de dezembro de 2020 gerou preocupações e novas medidas por parte da Secretaria de Saúde devem ser tomadas nos próximos dias. O aumento significativo de casos desde a segunda quinzena de dezembro de 2020 gerou preocupações e novas medidas por parte da Secretaria de Saúde devem ser tomadas nos próximos dias. 

De acordo com a equipe técnica, Alta Floresta se encontra em classificação de risco moderado para alto. Uma das medidas tomadas pela nova gestão da pasta foi a retomada dos atendimentos 24h no centro de referência para síndromes gripais, a Unidade desaúde Ana Neri no setor B. "Estamos cientes de que a equipe de profissionais médicos ainda está reduzida, mas estamos tomando providências, apontou Camila Machado  frisando que contatos já foram iniciados e que em breve novos médicos estarão compondo as equipes, assim agilizando os atendimentos. 

Conforme o boletim Epidemiológico da secretaria municipal de Saúde de Alta Floresta, divulgado nesta sexta-feira, 8, o município tem 378 casos de covid-19 suspeitos, 112 casos ativos e 2025 acumulados. E 28 pacientes evoluíram para óbito. Alerta- Mato Grosso contabilizou 16 mortes e 1.368 novos cotágios nas últimas 24 horas.

O estado já contabizou 4.648 mortes e 188. 199 infecções pela doença. Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 234 internações em UTIs públicas e 262 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 58,06% para UTIs adulto e em 30% para enfermarias adulto.

O documento ainda aponta que um total de 153.651 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 425 amostras em análise laboratorial.

Sobre o grande volume de pessoas aguardando atendimento, Sidney Leal frisa que grande parte dos atendimentos são de resfriados. "Não significa que todos são casos de covid, tem muitos casos que são simplesmente gripe, estão passando pelo médico e não está sendo coletado amostra por não ser necessário". 


Aguardando um aumentos no número de infectados até o dia 15 de janeiro, novas medidas serão adotadas, de acordo com a diretora de saúde pública, Flávia Alves, as fiscalizações serão intensificadas, retomando nos finais de semana e no período noturno. Outras medidas devem ser tomadas após a conclusão de reuniões que acontecem entre as equipes.


Banner whats nativa news

Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

248x90

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site Go7
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo