Regional

17/05/2020 07:56 Thalyta Amaral - Gazeta Digital

Preço do botijão de gás chega a R$ 115 em Mato Grosso

Com a restrição das atividades por causa da pandemia do novo coronavírus, cozinhar voltou a ficar em alta. Coincidência ou não, em Mato Grosso é possível encontrar um botijão de gás de 13 quilos por até R$ 115. No entanto o preço médio no estado fica em R$ 95,73.

O levantamento foi realizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) entre os dias 3 e 9 de maio, com coleta de preços em 95 pontos de venda no estado. No país, o botijão tem custo médio de R$ 69,65.

  

No levantamento, o gás mais caro foi encontrado em estabelecimento Sorriso (420 km ao norte da Capital). Porém, o valor médio do produto no município foi de R$ 98,75. Já o botijão mais barato é de uma revendedora em Cáceres (225 km a oeste), por R$ 70. Na cidade, o produto é vendido por cerca de R$ 81,88.

 

Na comparação entre os preços médios encontrados nos municípios de Mato Grosso, o maior valor é o de Várzea Grande, de R$ 100 o botijão. Isso significa que um morador de Várzea Grande que gaste um botijão por mês terá que desembolsar R$ 1.200 em um ano. Já em Cáceres, com o mesmo consumo de gás, o valor anual é de R$ 982,56, uma diferença de R$ 217,44 ou 18,12%.


Banner whats nativa news

Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

248x90

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo