Regional

10/05/2020 09:44 Bruna Barbosa - RDnews

ALTO CUSTO: Farmácias de MT devem aplicar testes para Covid-19 neste mês por até R$ 250

Ainda neste mês, os testes rápidos para Covid-19 poderão ser encontrados em fármacia de Mato Grosso após liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), ocorrida na semana passada. De acordo com o presidente do Conselho Regional de Farmácia de Mato Grosso (CRF-MT), Iberê Ferreira da Silva Junior, cada exame deve custar de R$ 200 a R$ 250. Algumas farmácias do Estado já se organizam para oferecer o serviço.

Apesar da liberação, os testes rápidos são controversos por conta de suas limitações. O Conselho Federal de Medicina (CFM) emitiu uma nota manifestando preocupações acerca da resolução, já que, caso realizado no período incorreto, 75% dos resultados podem ser "falsos negativos". 

O exame detecta a presença de anticorpos contra o novo coronavírus no sangue da pessoa, portanto é possível saber apenas se houve exposição ao vírus e não se a pessoa está, de fato, contaminada no momento da testagem. 

O prazo necessário para que o organismo produza essa resposta no sistema imune é de sete dias. A Anvisa afirmou que esse tipo de teste não tem o objetivo de diagnosticar a doença, sendo assim, a autorização é temporária e excepcional.

O presidente do CRF-MT afirmou que não acredita em alta demanda pelos testes de farmácia devido, principalmente, ao valor que ele deverá ser ofertado à população. Ele explicou que devido a grande procura, as empresas que produzem os testes estão cobrando valores altos. 

"Na minha opinião, enquanto um interesse meu, não procuraria por esse valor. Sei que algumas farmácias já estão se preparando e se adequando para fazer os testes. Acredito que, ainda neste mês já poderá ser encontrado em Cuiabá", avaliou.

Iberê ressaltou que, para realizar os testes rápidos para Covid-19, contudo, as farmácias precisam se adequar. Oferecer o exame não é obrigatório, porém, os estabelecimentos precisam se adequar a normas da Vigilância Sanitária para os testes. Os resultados, sejam positivos ou negativos, devem ser informados às autoridades de saúde competentes, por meio de canais oficiais estabelecidos. O teste rápido deve ser aplicado pelo farmacêutico e o local precisa utilizar os dispositivos regularizados junto à Anvisa. 


Banner whats nativa news

Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

248x90

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site Go7
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo