Regional

06/11/2019 18:36 REPORTERMT

Homem é preso em Colniza por matar prostituta após ela chamá-lo de “feio

Marcelo Wichispoviki, conhecido em Colniza (1.064 km da Capital), como “Magrão”, foi preso no início da tarde desta quarta-feira (06).

Ele acusado de ser o autor dos tiros que mataram a garota de programa Jessica Payerl Antunes, de 23 anos, na noite de terça-feira (05) dentro de uma casa de prostituição no bairro Jardim Imperial onde a vítima trabalhava.

A Polícia Civil deu início às investigações e com as informações sobre as características do assassino e o veículo que ele usou para chegar à boate, repassadas pelas “colegas” da vítima que testemunharam o crime, chegou até Marcelo que foi preso pelo Garra (Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos). Marcelo teria sido chamado de feio pela jovem e, por isso, cometido o assassinato.

Magrão, que tem pelo menos 18 passagens criminais,  foi detido dentro de casa, onde a motocicleta usada na noite anterior para cometer o homicídio foi encontrada e apreendida. 

O acusado será ouvido na Delegacia Municipal de Colniza pelo delegado Henrique de Barros e depois será encaminhado para audiência de custódia. 


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

248x90

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo