Destaques

14/03/2019 07:55 Jornal da Band

VOCÊ SABIA? :Tarifa branca pode gerar economia de até 20% na conta de luz

Quem tem um consumo de energia acima 250 kWh/mês passou a ter acesso neste ano à tarifa branca. O novo modelo de fatura, em que o valor da energia varia conforme o dia e o horário do consumo, pode gerar uma economia de até 20% na conta de luz.

Na tarifa branca, a energia é mais cara nos horários de pico. Já nos horários de baixo consumo, como manhã, início da tarde e madrugada, por exemplo, ela fica mais barata.

Nos dias úteis, são três valores: ponta, intermediário e fora de ponta. Esses períodos são diferentes para cada distribuidora. Nos finais de semana e feriados, é considerada a cobrança do valor fora de ponta. “A finalidade da tarifa branca é proporcionar ao cliente que tem um consumo fora de ponta um desconto na sua tarifa de energia”, afirma o engenheiro Lucas Martins.

Mas é preciso ficar atento aos hábitos da família para saber se a mudança é mesmo vantajosa. Se o cliente migrar para a tarifa branca e consumir nos horários de pico, poderá pagar o dobro em relação ao modelo convencional. “Se ele fizer o consumo dentro do horário intermediário ou de ponta, a fatura dele pode ser 45% maior ou até 94% maior quando comparada com a tarifa convencional. E aquele sonho que ele vai ter da energia barata vai virar um pesadelo para ele”, afirma Martins.

Segundo a Aneel (Agência Nacional da Energia Elétrica), cerca de 15 milhões de unidades consumidoras poderiam já estar economizando. Até o ano passado, a tarifa branca estava disponível somente para quem tinha uma média de consumo superior a 500kW/h por mês.

O empresário Helton Gonçalves aderiu à tarifa branca no final do ano passado, quando mudou para uma nova casa com o irmão. A primeira conta ficou 5% mais barata mesmo sem grandes alterações na rotina. “Se eu chegar, por exemplo, às 8 horas (da noite), espero mais uma hora para tomar banho. Estou naquele horário que é três vezes mais barato. Então está valendo a pena”, afirma.

Para aderir à tarifa branca, o cliente deve solicitar a mudança para a concessionária, que terá 30 dias para trocar o medidor de energia.

Se o consumidor não perceber a vantagem, ele pode pedir sua volta ao sistema anterior. A distribuidora terá 30 dias após o pedido para retornar o consumidor à tarifa convencional. Caso queira aderir de novo à tarifa branca, há um período de carência de 180 dias.


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo