Cidade

Gás Natural 11/02/2020 05:22 Só Notícias/David Murba

Diretor da ANP discute com governador redução do preço do botijão do gás em Mato Grosso

O diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis Décio Oddone, esteve reunido com o governador Mauro Mendes e discutiu soluções para reduzir preço do gás de botijão, que é o mais caro no país, segundo a ANP. A assessoria da agência não divulgou o resultado da reunião.

Na pesquisa realizada este mês, pela agência em sete cidades mato-grossenses, o preço médio mais caro do botijão é em Sorriso R$ 103,13, o mínimo é R$ 95 e o máximo R$ 110. O preço da distribuidora na capital do Agronegócio está estagnado em R$ 77. Foram pesquisadas 10 revendedoras.

Em segundo no ranking da ANP, está Sinop com preço médio de R$ 102,50, o mínimo também é R$ 95 e, de acordo com a ANP, o preço máximo é R$ 105. O preço da distribuidora para as revendedoras de Sinop é R$ 79. A ANP apurou 12 empresas revendedoras

Alta Floresta também foi pesquisada e o preço médio é R$ 99,50, o mínimo R$ 95 e o máximo R$ 105. Preço da distribuidora é R$ 83. Seis revendedoras foram apuradas. Na capital mato-grossense o preço médio é 95,60 e Várzea Grande R$ 95,50.


Banner whats nativa news

Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

248x90

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo