Cidade

10/10/2019 11:05 Assessoria | PJC-MT

Juara: Menor confessa morte e diz que vítima teria injuriado

A Polícia Judiciária Civil de Juara (709 km a Médio-Norte da Capital) identificou e apreendeu, na quarta-feira (09.10), um adolescente pela autoria do bárbaro homicídio que vitimou, Fátima Pupo Camargo, 45 anos, no município. O menor era vizinho da vítima e decidiu matá-la supostamente por ter sido injuriado por ela.

A vítima foi encontrada morta e em avançado estado de decomposição, no dia 06 de outubro, no interior de sua residência, na Linha Julião. Assim que foi acionada da ocorrência, a equipe da Polícia Civil de Juara iniciou as investigações, que apontaram o menor como autor do homicídio.

O adolescente, acompanhado de sua mãe e do Conselho Tutelar, foi ouvido pelo delegado, Carlos Henrique Engelmann, ocasião em que confessou que matou a vítima e deu detalhes sobre a ação e motivação dos fatos.

Segundo o adolescente, após uma situação em que foi injuriado pela vítima, ele entrou na casa dela durante a madrugada e a golpeou com diversos golpes da faca enquanto ela dormia. Ao ver a vítima agonizando, o adolescente aplicou um golpe na região da garganta, decepando a sua cabeça e finalizando o crime.

“O menor disse que decidiu matar a sua vizinha, pelo fato de ela o ter chamado de 'vagabundo' e 'ladão', fato que motivou o crime”, disse o delegado.

O inquérito policial será convertido em procedimento especial de apuração de ato infracional e assim que concluído será encaminhado ao judiciário e a promotoria cível de Juara.


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

248x90

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo