Cidade

02/10/2019 10:18 Ana Luíza Anache/Assessoria

Atuação do MPMT estimula criação de Departamento de Proteção Especial em Nova Monte Verde

Com apoio e estímulo do Ministério Público de Mato Grosso, o município de Nova Monte Verde (a 968km de Cuiabá) criou o Departamento de Proteção Social Especial com objetivo de promover o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, a superação de padrões de relacionamento violadores de direitos, a potencialização da função protetiva da família e sua inserção em uma rede de proteção que favoreça a superação vivenciada e a construção de novos projetos de vida. A unidade é composta por uma assistente social e uma psicóloga, além de equipe técnica vinculada à Secretaria Municipal de Assistência Social. 

Embora o Departamento de Proteção Social Especial estivesse previsto em lei municipal desde 2015, ele foi oficialmente implantado em agosto deste ano. Conforme o promotor de Justiça Cleuber Alves Monteiro Júnior, que atua nas Promotorias de Apiacás e de Nova Monte Verde, tudo foi realizado com base no diálogo e respeitando as dificuldades e limitações orçamentárias do Município. “A implantação da equipe mínima é um grande passo na efetivação e fortalecimento da Rede de Proteção em busca da diminuição das vulnerabilidades sociais e do atendimento adequado das situações de violação de direitos”, afirmou.  

O promotor explica que a necessidade de instalação da equipe mínima de proteção especial surgiu a partir da realização de reuniões mensais com integrantes dos órgãos da rede de proteção da criança e do adolescente, e foi identificada pelo Ministério Público junto à coordenadora do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Janete Aparecida Soares. “Passamos a discutir com a Rede e o Sistema de Garantia a importância e as estratégias necessárias para implantar a Proteção Social Especial no município, além de ações preventivas e de superação de violências”, relatou. 

Esses encontros ocorrem na sede do Conselho Tutelar, com a participação de servidores da Saúde, Assistência Social, Conselheiros Tutelares, além dos professores e diretores das escolas locais.

Abuso sexual - “Essa carência foi reforçada após o lançamento do projeto ‘Chá de Bonecas e Encontro de Heróis’, desenvolvido pela Igreja Batista Nacional em parceria com o Ministério Público e o Município, que visa identificar e prevenir casos de abuso sexual”, contou Cleuber Júnior. A iniciativa consiste na realização de apresentações teatrais para conscientizar e alertar crianças sobre os perigos do abuso. De maneira lúdica, a peça aborda o “toque do sim” e o “toque do não”. Em seguida, as crianças passam a interagir com vistas a identificar possíveis sinais de abuso e outras formas de violência. 

O projeto conta com a participação e atuação de uma psicóloga especialista na área. Até o momento, a profissional identificou não só casos de abusos, mas também agressões físicas e psicológicas, alienação parental, automutilação, entre outros. Esse trabalho possibilitou que fossem aplicadas as medidas protetivas necessárias.


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

248x90

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo