Cidade

09/05/2019 17:07 Adamo Bazani/ Diario do Transporte

A partir de junho, novas empresas começam a operar grupos de linhas intermunicipais em MT

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística de Mato Grosso assinou os contratos para que duas novas empresas homologadas na licitação emergencial passem a operar a partir do dia 06 de junho parte das linhas intermunicipais do sistema.

Os lotes de serviços básicos do mercado 2 (Rondonóplis) e do mercado 6 (Tangara da Serra) passam a ser operados pela Expresso Itamarati e Viação Juína, respectivamente.

A Expresso Itamarati, do Grupo Comporte, da família de Constantino Oliveira, fundador da Gol Linhas Aéreas, deve assumir mais linhas ainda.

A TIM – Transportes Integrados Matogrossenses foi desclassificada do lote de serviços básicos do mercado 5 (Cáceres) e, como segunda colocada, a Expresso Itamarati foi convocada para assumir a região.

Cada empresa pode ficar com até dois mercados de linhas.

A licitação para estes contratos faz parte de um ajustamento de conduta entre o Governo do Estado e o Ministério Público.

Entretanto, o processo ainda não foi concluído, isso porque para alguns lotes de linhas não houve interessados e em outros, as empresas participantes da licitação não atenderam às exigências a Sinfra.

Como as empresas TIM e Rio Novo Transportes não foram habilitadas pela secretaria, os lotes básicos dos mercados de linhas 03 (Barra do Garças) e 04 São Félix do Araguaia foram considerados desertos e será feita uma nova concorrência.

O lote básico do mercado 08 (Sinop) também será relançado porque as empresas Esmeralda, Araés e TIM foram inabilitadas.

Já para a categoria diferenciada do mercado 08 (Sinop) os documentos de habilitação serão abertos nesta próxima sexta-feira, 10 de maio de 2019.

O lote diferenciado (serviços com ônibus de mais categoria, linhas com menos paradas e tarifas maiores) do mercado 01 foi deserto, ou seja, não houve interessados. Também haverá novo chamamento.

O lote diferenciado do mercado 06 (Tangara da Serra) foi vencido pela empresa Genesis Bus, mas ainda está no prazo de recursos.

O lote diferenciado do mercado 03 (Barra do Garças) teve a primeira e segunda colocadas inabilitadas (Lopes Sul e Eva Tur) e a Genesis Bus acabou sendo considerada vencedora.

No lote básico do mercado 07 ( Alta Floresta), a Esmeralda foi inabilitada e a Aires Transportes, do Grupo Verde, foi chamada para assumir as linhas, mas também ainda está vigorando o prazo de recursos.

O sistema de transportes intermunicipais do Mato Grosso foi dividido em oito mercados por regiões, com dois lotes cada: categoria básica (ônibus mais simples e tarifas mais baixas) e diferenciada (ônibus de maior padrão e tarifas mais altas).

O processo de regulamentação do sistema de Mato Grosso se arrasta desde os anos 1990.

Apenas três mercados tinham sido licitados.  Em janeiro de 2018, a Empresa Novo Horizonte, com sede na Bahia, assumiu as categorias diferencias das regiões de Rondonópolis (Mercado 2) e Alta Floresta (Mercado 7).

Em abril de 2018, o CMT – Consórcio Metropolitano de Transportes, após ser considerado vencedor na licitação, recebeu autorização para operar o lote de categoria básica na Região Metropolitana de Cuiabá (Mercado 1).

DIVISÃO DO SISTEMA:

Mercado 01 – Região Metropolitana de Cuiabá

Lote I – Categoria Básica (já vencida pelo Consórcio Metropolitano em abril de 2018)

Lote II – Categoria Diferenciada – chamamento vai ser relançado

Mercado 02 – Rondonópolis

Lote I – Categoria Básica. Contrato assinado coma Expresso Itamarati, que começa operar a partir de 06 de junho 2019 com valor de remuneração de R$ 0,194993 por quilômetro rodado, valor em torno de 30% menor que o operado hoje, segundo a Sinfra.

Lote II – Categoria Diferenciada (já vencida pela Empresa Novo Horizonte em janeiro de 2018)

Mercado 03 – Barra do Garças

Lote I – Categoria Básica – Empresa Rio Novo Inabilitada e chamamento será relançado.

Lote II – Categoria Diferenciada – Em fase de Recurso – Empresa ganhadora Gênesis Bus – Valor R$ 0,23399, em torno de 10% mais barato das que operam hoje, segundo a Sinfra.

Mercado 04 – São Félix do Araguaia

Lote I – Categoria Básica- Empresa Rio Novo foi inabilitada – Será relançada a concorrência

Lote II – Categoria Diferenciada. Empresa TIM Transportes foi inabilitada– Será relançada a concorrência

Mercado 05- Cáceres

Lote I – Categoria Básica – Empresa Expresso Itamarati convocada a assinar o contrato – Valor de remuneração por quilômetro rodado de R$ 0,186320, em torno de 30% mais barato do que o cobrado pelas empresas que atuam hoje, segundo a Sinfra.

Lote II – Categoria Diferenciada – Recurso em análise na Procuradoria Geral do Estado.

Mercado 06 – Tangara da Serra

Lote I – Categoria Básica – Contrato assinado com a Viação Juina, empresa começa operar a partir de 06 de junho de 2019 com valor de R$ 0,1667, em torno de  40% mais barato que o operado hoje, segundo a Sinfra. .

Lote II – Categoria Diferenciada. Em fase de recurso. Empresa habilitada Genesis Bus com valor de R$ 0,1988 por quilômetro rodado, em torno de 30% mais barato que o operado hoje, segundo a Sinfra.

Mercado 07 – Alta Floresta

Lote I – Categoria Básica em fase recursal.  Empresa Habilitada Aries Transportes (Grupo Verde), ganhou com valor de R$ 0,189938, valor aproximadamente  30% mais barato que o operado hoje, de acordo com a Sinfra..

Lote II – Categoria Diferenciada (já vencida pela Empresa Novo Horizonte em janeiro de 2018)

Mercado 08- Sinop

Lote I – Categoria Básica: Empresas, Araés, Esmeralda e Tim Transportes  foram inabilitadas – Haverá novo chamamento.

Lote II – Categoria Diferenciada: Abertura dos documentos marcada pera o dia 10 de maio se 2019.


Nativa News

Jose Lucio Junqueira Caldas
Alta Floresta - MT
Fone (66) 9.8412-9214
nativanews@hotmail.com

Redes Sociais

Todos os direitos reservados ao Site Nativa News
Qualquer material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo